Menu

gaia host
Home Quem SOmos Anuncie Contatos

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Primeiro filme de Kung Fu brasileiro

Por Gabriel Taranto

Os filmes de Kung Fu tiveram seu boom na década de 70 com Bruce Lee, e até a década de 90 com Jackie Chan e Jet Li(os dois ainda eram novos e não se misturavam muito com o cinema ocidental) quando muitos filmes bons ainda eram lançados. E no embalo dessa explosão de filmes de luta, o Brasil lançou seu primeiro(e pelo visto o último!) filme do gênero: Kung Fu Contra as Bonecas.

Oi?

O filme conta a história de Chang, filho de chinês com pernambucana, que ao chegar ao Brasil descobre que sua família foi assassinada por uma gangue de cangaceiros. Por aqui ele conhece Maria, uma exímia lutadora de capoeira e p*ta, que se junta a Chang para vingarem-se da turma do Azulão, líder dos cangaceiros, da qual Maria já tinha sido vítima anteriormente.

O filme é um dos top trash que eu já tenha visto. E acreditem, esse filme foi lançado lá fora também, com o nome "Bruce Lee vs. Gay Power". Na década de 70 era "moda" colocar o nome de Bruce Lee no título dos filmes. Era algo como um "selo de qualidade". Mas esse filme tinha de tudo, menos qualidade, pelo menos para os mais puristas da época, que esperavam mais ação e o mínimo de comédia nesse gênero cinematográfico, e não o contrário.

Abaixo seguem uns trechos do filme para os interessados e para os curiosos. É um filme que não pode faltar na coleção dos fanáticos por filmes trash, ou até mesmo filmes de kung fu, pois valorizar o cinema nacional de qualidade é nosso dever.

Tá, apelei. Desculpa.


3 comentários:

  1. Ana Luísa Guimarães13 de janeiro de 2011 00:15

    Isso é sério? :O
    Acho que nunca vi (ou ouvi falar em) nada mais escroto.

    ResponderExcluir
  2. Que Porra é essa? HAOEIHOISHEOIE
    Meo, sem noção. Já não gostava de filme
    Nacional agora então, fudeo com tudo.
    Mas serve assistir para dar umas boas risadas
    afinal alguém tem que rir da cara do diretor
    dessa merda. @@

    ResponderExcluir
  3. Coitado dos atores, pelo menos foram bem pagos pra fazer merda.
    *Porra não dá pra dá stop nesse player. FUuu

    ResponderExcluir